Bar Brahma

Bar Brahma

Você é daquelas pessoas que adoram uma boa cerveja e uma boa história? Então com certeza você deveria conhecer o Bar Brahma que fica no centro de São Paulo.

Inaugurado desde tempos imemoriais o bar já passou por diversas fases da história recente brasileira, além de servir de palco para discussões de cunho político, artístico e também de músicos essenciais para a música popular brasileira.

Se você está procurando um bar tradicional e que já foi eleito o melhor bar de SP, com certeza você deve conhecer o Bar Brahma e levar os seus amigos para conhecer a região, que tem passado por uma boa revitalização.

Quer conhecer um pouco mais sobre este estabelecimento? Quer saber sua história e algumas curiosidades a respeito deste patrimônio histórico da boemia paulistana? Então acompanhe este artigo até o final e saiba mais! Vamos nessa?

História

O Bar Brahma foi inaugurado em 1948. O seu fundador, um alemão chamado Henrique Hillebrecht, não poderia imaginar o sucesso que o bar se tornaria, muito provavelmente.

Pois, ao longo dos anos, diversos foram os nomes que passaram por lá, vão desde vultos históricos da política, como o ex-presidente Jânio Quadros e Fernando Henrique Cardoso, passando por grandes nomes artísticos, como os grandes sambistas Adoniran Barbosa, Ari Barroso etc.

Durante os anos que se passaram desde a sua fundação foi palco de diferentes reuniões de amigos e políticos.

Na época da ditadura militar foi palco de discussões políticas (ou não) por parte de alunos da Faculdade de Direito da USP – todas essas pessoas ajudaram então o Bar Brahma a garantir o seu lugar na cultura, na história e no imaginário da região central de São Paulo.

Decadência

Bar Brahma Centro SP

Com o passar dos anos, a região central passou por grandes problemas relacionados à violência, uso e tráfico de drogas. Isso causou um afastamento grande das pessoas que outrora vinham até o bar para reencontrar amigos e tomar uma boa cerveja.

O que aconteceu depois disso foi que, nos idos dos anos 90 o Bar Brahma acabou fechando as suas portas por quase uma década.

Ainda houveram administrações que tentaram reaver o local sob um nome diferente, mas não durou muito tempo, e o bar São João 677 acabou por sequer tomar a importância do antigo estabelecimento.

Retorno

Mas com as políticas de revitalização do centro da cidade, em 2001 o bar passou por reformas e foi reinaugurado e, além disso, recuperou o seu velho nome, Bar Brahma, passando novamente a ser um símbolo da boemia paulistana.

Localizado nos versos de Caetano Veloso, entre a Avenida Ipiranga e a Avenida São João, atualmente o Bar Brahma recebe cerca de 700 pessoas diariamente.

Além das tradicionais cervejas e chopes para quem passa lá para um happy hour, o local oferece shows regulares com grandes nomes do samba e da música popular brasileira.

Curiosidades

Bar Brahma SP

Recentemente, em abril deste ano, para ser mais exato, o Bar Brahma foi eleito o melhor bar da capital paulista segundo pesquisas do Datafolha.

O fato surpreende por conta da quantidade de bares requintados e badalados que surgiram ao longo dos anos na capital. Mas, ao mesmo tempo não parece surpresa, já que se mantém como um dos principais pontos de encontro da região.

Faz parte essencial do processo de revitalização cultural do centro de São Paulo, e recebe regularmente uma quantidade enorme de artistas.

Apesar de ser o ponto central da música de Caetano, é Cauby Peixoto quem ganha as honrarias como homenageado da casa. Inclusive há shows regulares com o título de Tributo Cauby.

Um dos pratos mais tradicionais do Bar Brahma leva o nome de um dos grandes nomes da diplomacia brasileira: filé à Oswaldo Aranha.

E aí, gostou do artigo acima? Que tal compartilhar em suas redes sociais? Não esqueça de marcar os seus amigos e deixar comentários abaixo! Fique ligado em mais novidades e até a próxima!